Antiprincesas – Clarice Lispector

Cláudia Gaiolas, teatro meia volta

Clarice Lispector nasceu na Ucrânia, numa aldeia que não figura no mapa de tão pequena e insignificante. Os seus pais fugiram da guerra e foram parar ao Brasil, onde Clarice cresceu e se tornou uma grande escritora. Escrevia sobre os mistérios do universo e da alma humana, mas também sobre galinhas fugitivas, coelhos pensantes e um cachorro que comia cigarros.

Direcção e interpretação: Cláudia Gaiolas | Assistência de direcção: Leonor Cabral | Dramaturgia: Alex Cassal | Cenografia e figurinos: Ângela Rocha | Fotografia: José Frade | Produção executiva: Armando Valente

Em co-produção com:

teatro meia volta e depois à esquerda quando eu disser e São Luiz Teatro Municipal

Por Madalena Marques

Desdobra-se entre as Artes Performativas e a Mediação Cultural – escreve, é criadora e atriz e ainda desorienta visitas e oficinas, algumas digitais. Recentemente co-criou o BecaBeca, onde estão a ler isto!